Informação e contato com principais stakeholders são destaque no Congresso de Entomologia 2014

congresso entomologia

Monsanto participou do evento levando ao debate o tema “perspectivas das tecnologias Bt no manejo integrado de pragas”

Especialistas, cientistas, acadêmicos, estudantes e profissionais do agronegócio se reuniram para debates com o tema “Entomologia integrada à sociedade para o desenvolvimento sustentável”, que aconteceu durante a 25ª edição do Congresso Brasileiro de Entomologia. O evento, realizado em Goiânia (GO) entre os dias 14 e 18 de setembro atraiu cerca de dois mil visitantes em discussões sobre os avanços da pesquisa no setor.

Pela primeira vez, o Congresso hospedou uma reunião da Seção Internacional da Sociedade Americana de Entomologia (ESA), o que deu início à parceria entre as duas sociedades, visando o estabelecimento de interações conjuntas nos cenários nacional e internacional. Minicursos e concursos para estudantes também foram novidades no evento.  Além disso, a exposição “Planeta Inseto” mostrou a vida desses animais sobre diversos aspectos.

Temas como controle biológico, agroecossistema e ecologia química permearam as discussões. Os participantes também atuaram com apresentações de trabalhos acadêmicos, promovendo a disseminação do conhecimento.

Tecnologias Monsanto

O gerente de Regulamentação e líder da área manejo de resistência de insetos a culturas Bt, Renato Carvalho, representou a Monsanto em uma mesa-redonda onde foi discutida a situação atual e perspectivas das tecnologias Bt no manejo integrado de pragas (MIP). “Durante o Congresso, salientamos a importância do cumprimento das recomendações para a correta atuação das tecnologias Bt. Falamos também de nossa estratégia comercial para a cultura do milho, que é baseada em incentivos para toda a cadeia, incluindo RTVs e cooperativas. O encontro também foi uma ótima oportunidade de reforçarmos com o produtor a campanha que oferece 30% de desconto na compra de sementes para o refúgio, estimulando a adoção da prática”, detalhou. A soja também foi assunto durante a apresentação de Renato, que destacou a atuação do time Intacta de Campo.

João Oliveira, gerente Técnico de Manejo Integrado de Pragas da Monsanto, também esteve no Congresso Brasileiro de Entomologia e participou da mesa-redonda “Análise do Manejo Integrado de Pragas com introdução de novos transgênicos no sistema irrigado milho-feijão”. Nas discussões, ele ressaltou o controle proporcionado pela tecnologia VTPRO3 contra a diabrótica, que ataca ambas as culturas.

“O Congresso permitiu compartilhar com os acadêmicos e produtores a nossa estratégia de manejo integrado e de manejo de insetos, mostrando o papel da Monsanto nessas áreas. Cultivar a confiança mútua com os mais diferentes stakeholders é o que esses eventos sempre nos proporcionam”, concluiu Renato Carvalho.